Portal do Conhecimento

Cultura e Conhecimento ao seu Alcance!

Cultura e Entretenimento

Dicas para não ficar com o carro atolado!

Saiba tudo como se portar nesta situação e se sair bem.

Um dos problemas enfrentados por que mora em zonas rurais sem o devido calçamento, tendo apenas o solo de chão batido, é a possibilidade de criar atoleiros em caso de rajadas de chuva muito fortes ou intensas, podendo causar grandes prejuízos àqueles que dependem da estrada para ter acesso a locais importantes.

Sempre podemos ser surpreendidos por algum trecho instável de terra com areia fofa ou lamaçal. Conheça dicas importantes para não ficar atolado.

1 - Tenha em mente que em alguns trechos será mesmo necessário parar o carro, analisar as condições da estrada e traçar uma rota a seguir.

2 - Cuidado para não cair na armadilha de seguir rastros de veículos pesados. Estes rastros podem ser mais profundos e instáveis.

3 - Mais devagar, mais chance de atolar. Muita rapidez, mais risco de derrapagens. Seja moderado, engate a segunda marcha e siga em velocidade constante.

continua depois da publicidade


Curso de Eletronica e Eletricidade Automotiva
Reparos, diagnosticos e manutenção de circuitos eletroeletrônicos de veículos automotores. Veja em detalhes neste site
https://www.mpsnet.net/G/600.html

Ao entrar num trecho de lamaçal muito crítico e perceber que o carro está ficando atolado:

1 - Pare de acelerar. Quanto mais insistir, mais o carro afundará.

2 - Peça para todos saírem do carro, se possível, esvazie o porta-malas. Quanto mais leve, mais fácil de desatolar.

3 - Tire o máximo de lama da frente da roda.

4 - Procure por tábuas e coloque na frente das rodas. Se tiver pedras, adicione na areia. Vale também usar o tapete de borracha do veículo. 5 - Tente avançar em segunda marcha. Evite usar a primeira, pois utiliza força demais no solo e as rodas escorregarão mais facilmente.

Se o terreno for de areia fofa e o carro atolar, faça o seguinte:

1 - Retire o máximo de areia em volta das rodas.

2 - Esvazie um pouco o pneu para que ganhe mais aderência junto ao solo.

3 - Consiga água e molhe a área para deixá-la menos fofa.

4 - Utilize tábuas, galhos de árvore ou o tapete de borracha.

Dicas

» Se você dirige na lama com frequência, peça ao seu revendedor de pneus para ajudá-lo a encontrar uma marca com boa tração.

» Caso você deseje melhorar a tração dos pneus, esvazie-os um pouco. Isso aumentará a sua superfície em contato com o chão, melhorando a tração. Mas, assim que voltar ao asfalto, lembre-se de encher os pneus de acordo com a orientação do fabricante.

» Caso esse tipo de situação ocorra frequentemente, considere comprar um veículo com tração nas quatro rodas.

» Tente dirigir devagar ou você poderá ficar atolado na estrada.

Como Tirar Um Carro Do Atoleiro

É válido mencionar que, qualquer tipo de automóvel pode sofrer com o atolamento, dependendo, claro, da espessura da lama. Por exemplo, um carro popular pode atolar num lugar onde uma caminhonete pode passar sem nenhum problema. Além de impedir que um carro continue a viagem, outro problema que os atoleiros apresentam é o “escorregão”, ou seja, quando um veículo passa por ele e, ao invés de atolar, desliza, podendo causar sérios acidentes se o motorista não tiver perícia.

Caso você venha a sofrer com um atolamento, siga as seguintes instruções para tentar se livrar: Se tiver mais gente no automóvel com você, peça para que todos saiam. Quanto menos peso, melhor. Peça para essas pessoas que estão para fora que limpem a parte visível dos pneus, tirando a lama lisa que pode fazer com que a roda gire em falso, piorando a situação. Depois disso, peça para que eles procurem pedras, galhos e outros objetos que deem firmeza a roda. Feito isso, coloque a segunda marcha e comece a sair lentamente com o carro. A escolha da segunda marcha se justifica porque, quando o carro está com a primeira marcha, o motor fica mais pesado e, consequentemente, pode atolar ainda mais o automóvel.