Página Inicial » Curiosidades


  

 
|03|
 

 
Lenda: Como a Coca Cola consegue manter inviolável a fórmula secreta por tanto tempo?

É muito difícil identificar, com 100% de exatidão, todos os ingredientes responsáveis pelo sabor do refrigerante. Em primeiro lugar, porque alguns elementos podem aparecer na fórmula em uma porcentagem ínfima, bem menor que 1%. Segundo, porque até mesmo um ingrediente isolado da mistura, como essência de limão, já é resultado de uma mescla de centenas de outros elementos. Para obter uma essência seguramente igual, só detectando todos esses componentes. "Teoricamente, trata-se um desafio possível. As técnicas recentes são capazes de mostrar a composição exata de misturas ainda mais complexas que a Coca-Cola, como pigmentos em obras de arte e extratos de plantas medicinais", diz o químico Flávio Maron Vichi, da USP. De qualquer forma, quem quiser se aventurar para resolver o quebra-cabeça dessa centenária fórmula gasosa precisa estar preparado para gastar muito dinheiro.

"Em uma estimativa livre, calcula-se que seriam necessários pelo menos 850 mil dólares por ano para financiar uma pesquisa desse tipo, que não teria prazo para terminar", afirma o químico americano Charles Löchmuller, da Universidade Duke, nos Estados Unidos. Além disso, produzir um clone exato do refrigerante é outro desafio complicado. Uma essência natural de limão produzida na Flórida seria bem diferente de uma feita em São Paulo - isso porque o clima e o solo do local onde os limoeiros são cultivados, por exemplo, podem influenciar no sabor do fruto. O resumo da história é que, mesmo gastando rios de dinheiro para desvendar a fórmula, corre-se o risco de criar algo mais parecido com uma cópia barata que com a Coca-Cola original. Isso sem contar que a cópia obviamente não poderia usar aquilo que o refrigerante americano tem de mais precioso: sua marca.

Após mais de 100 anos de propaganda, o nome Coca-Cola é hoje o mais valorizado do planeta, com um valor estimado em 70 bilhões de dólares. Seja como for, o papelzinho com a mistura secreta continua guardado num cofre de banco em Atlanta, nos Estados Unidos, sede da companhia.

Na verdade, a fórmula "secreta" da Coca-Cola (CC) desvenda-se em 18 segundos em qualquer espectrómetro-óptico.
Só que não há autorização a outras empresas para fabricar igual, a não ser que você tenha uns 10 milhões de dólares para entrar em guerra com a Coca-cola na justiça, porque eles vão processar certamente.
A fórmula da Pepsi tem uma diferença básica da Coca-cola e é proposital exatamente para evitar processo judicial.
Não é diferente porque não conseguiram fazer igual não, é de propósito, mas próximo o suficiente para atrair o consumidor da Coca-cola que quer um gostinho diferente com menos sal e açúcar.

Tire a imensa quantidade de sal que a Coca-cola usa (50mg de sódio na lata) e você verá que a Coca-cola fica igualzinha a qualquer outro refrigerante , adocicado e enjoado. É exatamente o Cloreto de Sódio em exagero (que eles dizem ser "very low sodium") que refresca e ao mesmo tempo dá sede em dobro, pedindo outro refrigerante, e não enjoa porque o tal sal mata literalmente a sensibilidade ao doce, que também tem em grande
quantidade : 39 gramas de "açúcar" (sacarose).

É ridículo, dos 350 gramas de produto líquido, mais de 10% é açúcar. Imagine numa lata de Coca-cola, mais de 1 centímetro e meio da lata é açúcar puro... isso dá aproximadamente umas 3 colheres de sopa CHEIAS DE AÇÚCAR POR LATA !...

- Fórmula da COCA-COLA ?...
Simples: Concentrado de Açúcar queimado -
Caramelo - para dar cor escura e gosto;
ácido ortofosfórico (azedo);
sacarose - açúcar ( HFCS- High Fructose Corn Syrup - açúcar líquido da frutos e do milho); extrato da folha da planta COCA (África e Índia) e poucos outros aromatizantes naturais de outras plantas, cafeína, e conservante que pode ser Benzoato de Sódio ou Benzoato de Potássio, Dióxido de carbono ( muito ) para causar aquela sensação de ardor na garganta quando você a toma e junto com o sal dar a sensação de refrigeração.

O uso de ácido ortofosfórico e não o ácido cítrico como todos os outros usam, é para dar a sensação de dentes e boca limpa ao beber, o fosfórico literalmente corrói tudo e em quantidade pode até causar destruição do esmalte dos dentes, coisa que o cítrico ataca com muito menor violência, pois o ortofosfórico"chupa" todo o cálcio do organismo, podendo causar até osteoporose, sem contar o comprometimento na formação dos ossos e dentes das crianças em idade de formação óssea, dos 2 aos 14 anos.

Tente comprar ácido fosfórico para ver as mil recomendações de segurança e manuseio (queima o cristalino do olho, queima a pele, etc.).

Só como informação geral, é proibido usar ácido fosfórico em qualquer outro refrigerante, só a Coca-cola tem missão... (claro, se tirar, a Coca-cola ficará com gosto de sabão).

O extrato da coca e outras folhas quase não mudam nada no sabor, é mais efeito cosmético e mercadológico, assim omo o guaraná, você não sente o gosto dele, nem cheiro, (o verdadeiro guaraná tem gosto amargo) ele está lá até porque legalmente tem que estar (questão de registro comercial ), mas se tirar você nem nota diferença no gosto.

O gosto é dado basicamente pelas quantidades diferentes de açúcar, açúcar queimado, sais, ácidos e conservantes.
Tem uma empresa química aqui em Bartow, sul de Orlando. Já visitei os sujeitos inúmeras vezes e eles basicamente produzem aromatizantes e essências para sumos.

Sais concentrados e essências o dia inteiro, caminhão atrás de caminhão !
Eles produzem isso para fábricas de gelados, refrigerantes, sumos, enlatados, até comida colorida e aromatizada.
Visitando a fábrica, pedi para ver o depósito de concentrados das frutas, que deveria ser imenso, cheio de reservatórios imensos de laranja, abacaxi, morango, e tantos outros (comentei)...
O sujeito olhou para mim, deu uma gargalhada e levou-me para visitar os depósitos imensos de corantes e mais de 50 tipos de componentes químicos.

O refrigerante de laranja, o que menos tem é laranja; morango, até os gominhos que ficam em suspensão são feitos de goma (uma liga química que envolve um semi-polímero).

Abacaxi é um festival de ácidos e mais goma. Essência para sorvete de Abacate?
Usam até peróxido de hidrogénio (água oxigenada) para dar aquela sensação de arrasto espumoso no céu da boca ao comer, típico do abacate.

O segundo refrigerante mais vendido nos Estados Unidos é o Dr. Pepper, o mais antigo de todos, mais antigo que a própria Coca-cola.

Esse refrigerante era vendido obviamente sem refrigeração e sem gaseificação em mil oitocentos e pedrada, em
garrafinhas com rolha como medicamento, nas carroças ambulantes que você vê em filmes do velho oeste americano. Além de tirar dor de barriga e unha encravada, também tirava mancha de ferrugem de cortina, além de ajudar a renovar a graxa dos eixos das carroças.

Para quem não sabe Dr. Pepper tem um sabor horrível, e é muito fácil de experimentar em casa: pegue GELOL spray, aquele que você usa quando leva um chute na canela, e dê um bom spray na boca!  Esse é o gosto do tal famoso  Dr.Pepper que vende muito por aqui.

 

 


Conheça os Cursos On-Line
Portal do Conhecimento