Página Inicial » Curiosidades


  

 
|03|
 

 
Censura Militar e os Casos UFOS

A Censura Militar


Há algum tempo, o Comitê Nacional de Investigações de Fenômenos Aéreos dos EUA teve a gentileza de fornecer ao escritor Carlos S. Wallace um informe oficial, de quase 200 páginas no qual são constatadas todas as observações de OVNI's verificadas até o ano de 1964. O informe foi preparado com a colaboração de pilotos militares e civis, especialistas de radar, astrônomos, homens de ciência de reconhecido valor, investigadores oficiais e privados, elementos militares das forças de terra, mar e ar, testemunhas oculares de comprovada boa-fé, e fotografias e filmes de autenticidade comprovada pelos técnicos.

Além disso, a publicação desse importantíssimo documento comprovatório da existência dos Ovnis teve o apoio dos mais destacados senadores dos EUA O informe foi distribuído entre importantes membros das esferas oficiais, sendo também apresentado ao Congresso, em Washington.

Não obstante, já em julho de 1948, um departamento especial do Aerospace Technical Intelligence Center -- o "Project Sign", criado especialmente para investigar tudo o que dissesse respeito aos OVNI's -- havia encaminhado um relatório secreto ao Pentágono, do qual somente mais tarde se veio a conhecer parte do conteúdo. Esse relatório consistia em um documento de muitas páginas datilografadas, encadernadas em capas pretas onde se lia o rótulo TOP SECRET (Segredo Máximo). Eis um parágrafo extremamente significativo desse relatório:

"Considerando a situação e todos os dados precedentes, esta Comissão está convencida da existência dos chamados discos voadores e ACREDITA QUE A SUA ORIGEM É EXTRATERRESTRE".

 

 


Conheça os Cursos On-Line
Portal do Conhecimento