Página Inicial » E-Books Literários

 

> Karl Marx - Antologia Literária - TE0069

R$ 8,00

 
 

 
 


 

Karl Marx

Antologia Literária

Totalmente em Português

Arquivos PDF

Principais Livros de Praticamente toda a Obra do Pensador .

Os Textos encontram-se no Formato PDF (para se ler Acrobat Reader) 

A vantagem do material em formato Digital é você poder imprimi-lo, editá-lo a vontade.

Veja abaixo a relação dos e-books que compõem este pacote:

A Companhia das Índias Orientais sua história e as consequências de sua atividade.pdf
A Dominação Britânica na India.pdf
A Guerra Anglo-Persa.pdf
A Produção de Mais Valia Absoluta.pdf
A Revolução na China e na Europa.pdf
Comentários marginais ao programa do Partido Operário Alemão.pdf
Critica ao programa de Gotha.pdf
Crítica da Filosofia do Direito de Hegel.pdf
Deslocamentos do Centro de Gravidade Mundial.pdf
Glosas Críticas Marginais ao Artigo O Rei da Prússia e a Reforma Social.pdf
Ideologia Alemã.pdf
Manifesto do partido comunista.pdf
Manuscritos Econômicos de Marx de 1861 a 1863.pdf
O 18 Brumário de Luiz Bonaparte.pdf
O CAPITAL 1.pdf
O CAPITAL 2.pdf
O Capital (Compilação).pdf
Para uma crítica da economia politica.pdf
Salário, preço e lucro.pdf
Teses sobre Feuerbach.pdf

O Conjunto dos e-books são enviados
 em um Arquivo  "Zip" com 5,8 megas

BIOGRAFIA

KARL MARX nasceu em Treves, na Prússia, em 1818. Era filho de um advogado judeu convertido ao protestantismo. Foi filósofo, historiador, economista e jornalista. Deixou numerosos escritos como "Manuscritos econômicos e filosóficos", "0 18 Brumário de Luís Napoleão", "Contribuição à crítica da economia política", "0 Capital", e, em conjunto com Engels, "A Ideologia Alemã", "Manifesto Comunista", entre outros. Segundo Engels, as duas grandes descobertas cientificas de Marx foram: a concepção do materialismo histórico e a teoria da mais-valia. Ativista político fundou e dirigiu a Primeira Internacional Operária, de 1867 a 1873. Em 1843, exilou se em Paris e posteriormente em Bruxelas e em Londres, onde morreu em 1883.

Este filósofo alemão foi expulso da maior parte dos países europeus devido ao seu radicalismo. Seu envolvimento com radicais franceses e alemães, no agitado período de 1840, fez com que ele levantasse a bandeira do comunismo e atacasse o sistema capitalista. Segundo este economista, o capitalismo era o principal responsável pela desorientação humana. Ele defendia a idéia de que a classe trabalhadora deveria unir-se com o propósito de derrubar os capitalistas e aniquilar de vez a característica abusiva deste sistema que, segundo ele, era o maior responsável pelas crises que se viam cada vez mais intensificadas pelas grandes diferenças sociais.

Este grande revolucionário, que também participou ativamente de organizações clandestinas com operários exilados, foi o criador da obra o Capital, livro publicado em 1867, que tem como tema principal a economia. Seu livro mostra estudos sobre o acúmulo de capital, identificando que o excedente originado pelos trabalhadores acaba sempre nas mãos dos capitalistas, classe que fica cada vez mais rica as custas do empobrecimento do proletariado. Com a colaboração de Engels, Marx escreveu também o Manifesto Comunista, onde não poupou críticas ao capitalismo.

Este notável personagem histórico faleceu em Londres, Inglaterra, em 14 de março de 1883, deixando muitos seguidores de seus ideais. Lênin foi um deles, e, na União Soviética, utilizou as idéias marxistas para sustentar o comunismo, que, sob sua liderança, foi renomeado para marxismo-leninismo. Contudo, alguns marxistas discordavam de certos caminhos escolhidos pelo líder russo.

Até hoje, as idéias marxistas continuam a influenciar muitos historiadores e cientistas sociais que, independente de aceitarem ou não as teorias do pensador alemão, concordam com a idéia de que para se compreender uma sociedade deve-se entender primeiramente sua forma de produção.


 

Nunca enviamos material impresso em papel

Veja demais itens da Loja